Data

A paz do Senhor Jesus Cristo. Hoje é

quinta-feira, 21 de março de 2013

Não envie recados, fale diretamente com Ele.



“Não estejais inquietos por coisa alguma; antes as vossas petições sejam em tudo conhecidas diante de Deus pela oração e súplica, com ação de graças.” Filipenses 4 v.6

Oração, ligação direta com Deus, meio de aproximação do homem a Deus, forma mais rápida de alcançarmos alguma coisa de Deus, método avançado de conexão on-line do Homem a Deus. Muitas são as definições, muitos são os tipos, muitos são os modos, muitos são os lugares de oração, mas, porém, contudo, entretanto, todavia poucos a usam.



 Existe um princípio dos relacionamentos que é muito óbvio: quanto mais nos conhecemos mais nos aproximamos. Colocando tal princípio em nosso meio (meio evangélico) posso dizer com certeza que a pouca ou nenhuma oração está diretamente ligada ao nosso relacionamento com Deus, o salmista disse: “mas para mim, é bom aproximar-se de Deus...” (Salmos 73 v.28). É um pouco duro dizer isso, mas Deus só tem compromisso com quem tem compromisso com Ele e ponto.  Hoje em dia encontramos cada vez mais irmãos e irmãs que só oram (quando oram) na igreja, mesmo assim as suas orações são vazias em conteúdo e muitas vezes uma repetição da oração de quem está orando ao microfone ou dirigindo uma reunião de oração. Muitos tem vivido um relacionamento indireto com Deus, como se ainda existissem os Sacerdotes que faziam a ligação do povo a Deus. Vem aos cultos para pedirem oração e esquecem de que podemos sim pedir ajuda em oração (Colossenses 4 v.3), entretanto devemos nós mesmos orarmos também principalmente. Devemos deixar de enviar “recados” a Deus quando Ele quer ouvir de nós mesmos. Quero deixar claro que não sou contra os papéis de pedidos de oração, as páginas de pedidos de oração na internet, no meu site mantenho uma página de pedidos de oração, mas sou contra o comodismo, a falta de intimidade com Deus, o relacionamento indireto com o Senhor. Mesmo porque tal atitude provoca reações que mais adiante serão usadas como desculpas:
1-      Não vou mais orar afinal de contas Deus “não ouve” as minhas orações! Que orações suas? Se você mesmo não ora a Deus, mas manda “recado”;
2-      A oração naquela igreja não chega ao céu, pois estou há anos na campanha de oração e até agora nada! A campanha de oração é da igreja para que os membros e visitantes sejam estimulados a “orar” a Deus, só entregar o pedido de oração não é orar, deixe de enviar “recados”;
3-      Minha fé está fraca! A oração e sua resposta podem ser usadas como termômetro da fé sim, aliás, é até muito edificante orar e receber resposta de Deus, porém se eu não oro não estou colocando a minha fé em ação e assim não posso medir minha fé; e
4-      Vou sair da igreja afinal de contas não consigo ter uma comunhão com Deus, vou aos cultos, louvo a Deus, leio a Bíblia e continuo vazio! A oração é a chave da vitória, a oração é a nossa ligação direta com Deus, posso estar presente (fisicamente) em todos os cultos, mas se não entro em comunhão com Deus em oração não vou nunca crescer na graça e no conhecimento.
Chega de recados! Deus quer ouvir você! Ele quer compreender teu choro, enxugar tuas lágrimas! Que te ajudar nos momentos mais difíceis!  Quer ser seu amigo mais chegado que irmão (Provérbios 18 v.24)! Visite a nossa página de pedidos de oração e certamente o Espírito Santo tocará em muitas vidas para te ajudarem em oração.
Que o amor de Deus que excede todo o nosso entendimento seja derramado sobre a sua vida e de sua família em nome de Jesus Cristo. Amém!