Data

A paz do Senhor Jesus Cristo. Hoje é

sábado, 4 de fevereiro de 2012

Máscaras e mascarados!

"Por seus frutos os conhecereis. Porventura colhem-se uvas dos espinheiros, ou figos dos abrolhos?"
Mateus 7 v.16

Nesta passagem maravilhosa o Senhor Jesus Cristo, desde daquela época, alertava a todos sobre os falsos profetas. Como eu sou anti-legalismo por excelência quero hoje lembrar aos amados leitores que existem muitos mascarados em nosso meio. Homens e mulheres que na igreja podem até ser bençãos, aos nossos olhos carnais, mas saindo dali só pela misericórdia de Deus, não cabe a nós julgarmos( "Não julgueis, para que não sejais julgados." Mateus 7v.1) e sim observarmos. Quando você está em uma condução qualquer (ônibus, metrô, trem, barcas, etc) se reparar bem verá que as pessoas em sua maioria estão com o semblante indiferente, como se as situações e pessoas ao seu redor não fossem importantes para eles e nem tão pouco as chamem a atenção de algum modo, isto ocorre pois as pessoas estão usando máscaras, que servem para esconder ou disfarçar sentimentos, não demonstram alegria, felicidade, ira, desgosto, tristeza e nem dor. Simplesmente estão indiferentes aos nossos olhos. 




 

Na igreja atualmente temos muitos experts em usar máscaras. Vou citar aqui algumas que tenho observado ao longo de muitos anos de Ministério:
Máscara do Ser espiritual: São usadas por irmãos e irmãs que pulam, rodam, saltam, mas só fazem isso em determinados cultos e só profetizam as mesmas coisas, mas fogem dos cultos de doutrina, da Escola Bíblica dominical e cultos de ensinamento;
Máscara do Ser Santarrão: São usadas por aqueles que estão sempre bem vestidos, bem dentro da doutrina de suas igrejas, mas que não passam de sepulcros caiados, pois pergunte aos componentes das escolas de samba se o calor lhes incomoda? certamente dirão que não, o importante é se fantasiar;
Máscara da Sabedoria: Usada por quem lhe a Bíblia de vez em quando, quando dá, quando sobra tempo, afinal já sabem de tudo. Os usuários desta máscara adoram um "argumento de autoridade", ou seja, o que eles dizem, mesmo que não seja o que a Bíblia diz, é sempre verdade absoluta, incontestável;
Máscara do Amor:A mais usada de todas as máscaras, caracteriza-se pela falsidade mútua, "a paz do Senhor Jesus irmão fulano, que maravilhoso encontrar você", isso da boca pra fora, pois no coração: "Que pecador, esse irmão fulano, como é feio!". Nada de comunhão, nem união e nada de amor fraternal (entre irmãos);
Máscara da Hipocrisia:Excelente disfarce muito usado por aqueles que estão na igreja como se fosse um clube social, um ponto de encontro, louvam a Deus da boca pra fora ou porque acham "bonito" a palavra cristão.(Jeremias 29 v.13); e
Máscaras do Sofrimento:Usadas por quem vive dizendo: "estou na prova", "estou no vento", "A luta está doendo", "A tempestade está atingindo minha vida", "peço aos irmãos que me ajudem em oração". Estas expressões saem das bocas de quem adora estar sendo paparicado, açoitado, que deseja que todos tenham pena dele, porém na verdade estão sempre "chorando de barriga cheia".
Existem muitas outras máscaras que você devem ter percebido também em sua igreja, se você observar bem verá que estas acima existem na igreja onde você congrega e em tantas outras que você foi. Muitos estão mascarados e se acostumaram tanto com o uso de máscaras que se tirarem não conseguem mais ir à igreja, pois tem medo de que os outros vejam as suas verdadeiras faces. Em tais casos só muita oração e muito jejum e principalmente: vontade de abandonar as máscaras para sempre!
Que o amor de Deus que excede todo o nosso entendimento seja derramado sobre você e sua família em nome de Jesus Cristo. Amém!
Siga-nos no Twitter: @nadadeheresias.