Data

A paz do Senhor Jesus Cristo. Hoje é

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Sepulcros Caiados!

"Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que sois semelhantes aos sepulcros caiados, que por fora realmente parecem formosos, mas interiormente estão cheios de ossos de mortos e de toda a imundícia." Mateus 23 v.27

Para começo de conversa vamos entender o que são hipócritas. Hipócrita significa fingido, que não age de acordo com as ideias que demonstra ter, aquele que pratica a hipocrisia que é: qualidade do hipócrita.Fingir concordar com ideias contrárias às que se tem. Falar algo e não concordar com esse é praticar a hipocrisia. Ação contrária àquilo que o agente prega, acredita ou pensa.





Agora vamos ao assunto principal: os "sepulcros caiados" dos dias atuais, das igrejas atuais, dos ministérios atuais. No texto base Jesus Cristo dirigiu-se aos escribas que eram como um tipo de secretário, um escritor , também chamado de copista" (copiador) era respondsavel por copiar os escritos manualmente e por repetir essa função, acabavam se tornando  ou julgando "entendidos" no assunto que transcreviam ; e aos fariseus e ser fariseu  nos tempos de Jesus Cristo era fazer parte de um grupo de judeus ultraconservadores. Os fariseus observavam os mínimos detalhes da Lei (Antigo Testamento), eram apegados às tradições e aos costumes dos antepassados. Um adjetivo que os descreve bem é inflexíveis. Era um grupo fechado e nesta passagem foram severamente acusados por Jesus Cristo de serem falsos e de viver uma religiosidade de aparências. Hoje vemos ainda muitos fariseus em nossos púlpitos que pregam e não vivem aquilo que pregam, que aparentemente são uma benção (domínio da palavra, vestimentas alinhadas, ascenção social, estabilidade financeira), mas isso somente na embalagem, pois na verdade o conteúdo está morto. Cabe ressaltar que Jesus Cristo disse que "por fora realmente parecem formosos" como vimos muitos hoje em dia, mas devemos lembrar que não andam dois juntos se não estiverem de acordo (Amós 3 v.3).   Deus não usa e nem opera  na vida dos sepulcros caiados, o homem não pode enganar a Deus, se o homem diz estar plantado batatas e na verdade planta milho (Gálatas 6 v.7) pode até enganar a mim e a você mas não engana a Deus. Podemos até nos "aperfeiçoar" em parecer santificados, entretanto não somos se não formos santificados por Deus e para ele, para a obra dele e não para parecer "formosos" aos olhos dos homens. Muitos se escondem atrás de "carreiras" eclesiásticas como se isso seja galardão para ser apresentado no céu, não acredito que o inimigo de nossas almas nos distingua por nossa hierarquia eclesiástica e sim pelo nosso compromisso com Deus e com sua obra. E o que dizer das imundícies que são conteúdos destes "sepulcros caiados"? Não fomos chamados para a imundícia mas sim  para a santificação (1 Tessalonicenses 4 v.7), estes "sepulcros caiados" são puros aos seus próprios olhos (Provérbios 30 v.12). Hoje temos em nossas lideranças muitos "sepulcros caiados" que são verdadeiros "empresários da fé alheia", disvirtuam o culto inserindo heresias produzidas pela teologia da prosperidade: Deus quer te ver de carro zero! Cristão tem que ter casa própria e casa na praia!Dívidas nunca mais! O que dizer da prática cada vez mais constante da simonia (que é a venda de favores divinos, bençãos, cargos eclesiásticos, prosperidade material, bens espirituais, coisas sagradas, objetos ungidos, etc. em troca de dinheiro. É o ato de pagar por bençãos e consequentemente por cargos eclesiásticos ou posições na hierarquia da igreja). O que mais colabora financeiramente tem mais oportunidade, o mais rico tem mais cargos e mais rápida "ascenção eclesiástica". Igrja cheia tem que significar mais dízimo e mais dízimo significa que aquele "sepulcro caiado" está dando muitos frutos. Leia e reflita e ore pelos sepulcros caiados que você conhece. Que o amor de Deus que excede todo o nosso entendimento seja derramado sobre a sua vida e de sua família em nome de Jesus Cristo. Amém!